Sensor MAP | Uso, Funcionamento e Manutenção

Home / Tecnologia / Sensor MAP | Uso, Funcionamento e Manutenção

Sensor MAP | Uso, Funcionamento e Manutenção

Sensor MAP | Uso, Funcionamento e Manutenção

MAP significa Manifold Absolute Pressure Sensor, ou, Sensor de pressão Absoluta do Coletor de Admissão. Ele converte a pressão do ar que entre no motor em sinais elétricos. Certamente esses sinais são repassados à ECU do automóvel, tais números são essenciais para a injeção eletrônica.

Qual é a função do Sensor MAP?

No cofre do motor, o MAP fica no coletor da admissão. Imediatamente, com a passagem de ar, é medida a pressão, que quando computada corretamente otimiza a mistura ar-combustível no interior dos motores. Por isso o MAP é tão importante para o bom funcionamento do veículo.

Aproveite e conheça os tipos de Vela de Ignição 

Segundo a Gauss, uma das referências em sensores MAP do mercado, “com a informação da altitude, da pressão no coletor de admissão e da temperatura do ar, a central calcula exatamente a quantidade de oxigênio que está entrando nos cilindros, e consequentemente, injeta a quantidade ideal de combustível, para manter estável a razão estequiométrica, ou seja, a relação ar/combustível.”

Sensor MAP em motor boxer 4 cilindros
Só para exemplificar, esta é a localização do sensor MAP na admissão de um motor boxer 4 cilindros de Subaru

O que acontece quando o sensor MAP está com defeito?

Em virtude dos defeitos, é comum identificar problemas no MAP observando os seguintes pontos:

  • luz da injeção acesa no painel do veículo
  • maior volume de gases ( sujeito a reprovação no exame de emissões)
  • maior consumo de combustível e queima incompleta
  • problemas de aceleração, como trepidação ou resposta demorada
  • cheiro de gás com motor em funcionamento (excesso de combustível)

Como saber se o sensor MAP está funcionando?

À medida que a peça é exigida, existem três pontos que devem ser verificados, Apesar disso, manter um sensor MAP é muito simples. Portanto tais cuidados são essenciais na saúde do componente.

  • mangueira (de medição) intacta e desobstruída para leitura correta
  • fiação e pinos intactos evitam curto-circuitos e mantém o fluxo de eletricidade
  •  sensor funcionando e com corrente

Verificados estes três pontos do sensor map, é possível fazer a análise física do funcionamento do sensor. Usar uma pistola a vácuo e um medidor de tensão, ou um scanner de varredura, ajudam a aferir o sensor MAP. Caso algum item não esteja conforme, é preciso substituir o sensor.

Caso você tenha alguma dúvida em relação ao funcionamento, é só nos chamar na caixinha dos comentários.

Sensor MAP Bosch e Gauss
Por causa da injeção eletrônica, muitos veículos atuam com o controle de um Sensor MAP

Como manter sempre limpos?

Alguns sintomas surgem quando o sensor está sujo ou com baixo rendimento. Alto consumo, falta de força, luz da injeção acesa, ou funcionamento irregular e hesitação com atraso na aceleração são alguns deles. Para realizar uma limpeza preventiva é muito simples, e fazer isso, já traz o normal funcionamento do sensor MAP.

  • antes de tudo, solte o sensor da admissão (um ou dois parafusos)
  • em seguida remova o conector da base do sensor
  • então passe spray para limpeza (álcool isopropílico ou WD-40)
  • agora é só fixar o sensor novamente à admissão e parafusar com cuidado
  • logo depois reconecte a fiação à base do sensor

Precisando de sensor, compra na AutoNext!

Rode a plena potência com economia e segurança. Ainda mais com toda linha MAP da AutoNext, uma solução segura e rápida para quem busca os melhores sensores.

Certamente comprando conosco você tem benefícios como:

  • Atendimento via fone e Whatsapp
  • Diversas categorias para atender suas necessidades
  • Produtos originais de marcas referência no mercado
  • Compra segura e transparente com informações completas
  • Frete Grátis para Sul e Sudeste
  • 5% de desconto no boleto ou PIX

Ficou interessado? Confira nosso site.